in Entre amigas

À minha querida amiga: Tente de novo

at
a-minha-querida-amiga-tente-de-novo

Em resposta à minha querida amiga:

Eu devo dizer que entendo a maneira como você se sente. Por diversas vezes tenho plena consciência de que há muito o que fazer, mas é como se não houvesse força alguma para sequer tentar. Talvez, você esteja cometendo alguns dos erros que cometi. Seus pensamentos e sentimentos podem estar, de alguma forma não pouco preocupante, conduzindo suas ações e reações diante de tudo o que tem vivido. Devo alertá-la de que isso pode se tornar algo idólatra. Tudo aquilo que ocupa o lugar de Deus em sua vida, é um ídolo. E quando transformamos qualquer coisa em um ídolo, tendemos a reagir a isso de forma desesperadora.

Você pode orar centenas de vezes e dizer a Deus que confia n’Ele, mas enquanto permanecer sendo guiada pela instabilidade de suas emoções e não por Sua Palavra, isso não passará de afirmações que você, como filha, gostaria que fossem reais, mas ainda não são. É necessário que eu diga as muitas vezes em que me senti envergonhada por não estar confiando em nosso Senhor como devia, e que por isso posso ver que você tem feito o mesmo? Não é preciso negar, eu entendo e sei o quão doloroso e angustiante pode ser. Não escrevo isso para desanimá-la, mas para que você aprenda a reconhecer seus pecados e o quão perigoso eles são, o quão facilmente podem estraçalhar sua alma sorrateiramente.

Não confie em si mesma, tampouco em sua força, porque não há nenhuma em você, senão aquela que Deus lhe dá. Entenda e aceite que há coisas que não dependem de você, e que isso sirva para lembrá-la constantemente de que quem tem o poder para tudo é apenas Deus. Busque confiar verdadeiramente n’Ele, e se fracassar, tente de novo. De novo. E de novo. Eu peço, minha amiga, não se acomode. Quando se trata de nossa busca por Deus, devemos fazê-la de tal forma como se nossa vida dependesse disso, porque ela depende.

Finalizo com as palavras de C. S. Lewis que muito são um conforto:

Você tem de pedir a ajuda de Deus. Mesmo depois de pedir, poderá ter a impressão de que a ajuda não vem, ou vem em dose menor que a necessária. Não se preocupe. Depois de cada fracasso, levante-se e tente de novo. Muitas vezes, a primeira ajuda de Deus não é a própria virtude, mas a força para tentar de novo. (…) esse processo de treinamento dos hábitos da alma é ainda mais valioso. Ele cura nossas ilusões a respeito de nós mesmos e nos ensina a confiar em Deus.”

Ass: Sua amiga

Share:
Laureane Antunes

Laureane Antunes

Cristã e tenho 22 anos. Sou criadora do blog Alma com Flores, no entanto, se não fosse pela Graça de Cristo, nada disso seria possível. Apenas em meu Salvador posso florescer.

1 Comment

  1. Paula Fernanda

    Tu és uma benção! Cada palavra dessa é enviada por Deus.

    15 . jun . 2019

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *