Minha estimada amiga, escrevo esta carta a você para expressar a esperança que habita em meu coração.

Tenho notado que você anda um pouco desanimada, eu não a culpo, há dias em que também estou da mesma forma, mas quero que o seu coração se encha de esperança e que você entenda que o desânimo é uma condição humana. Pessoas fortes choram, pensam em desistir e se sentem sobrecarregadas. Não se intitule a “fracassada do século”, não foi esse título que Deus deu a você.

Parece confuso o que irei dizer, mas, por favor, entenda, não busque força em sua própria força. Se assim fizer, irá se frustrar e o caminho para vencer o desânimo será mais longínquo. Lembre-se da Cruz, do caminho que Jesus percorreu por você, lembre-se do cravos, do sangue inocente que tocava o chão. Ele não pensou em parar, não pensou em usar o Seu poder para se poupar da dor. Ele sentiu cada segundo daquela dor por você.

Lembrou? Agora, lembre-se dos vales que você já passou, das lutas que já enfrentou, do medo que já superou… Lembrou? Se você analisar direitinho, vai perceber que colocou em “off” o maior sacrifício da história e acabou colocando também as suas virtudes. Pare de ressaltar os momentos em que você não teve tanto sucesso, ninguém é apenas erros, como também ninguém é apenas acertos.

Você precisa aprender que os momentos em que se sente paralisada, são os momentos e que Deus quer fazer você ir além. Ninguém merece ficar na mesma posição a vida toda. Deus quer fazer você voar. Dê asas a esperança que está adormecida aí dentro de você.

Não é tempo de parar, é tempo de tocar o horizonte.
Com fé e afeto, de sua querida amiga.

COMPARTILHAR
Alyce Tâmara
Sou apenas mais uma fissurada por Jesus. O próprio verbo me convidou para ser poesia. Então, eu danço com as palavras no ritmo de uma melodia que vem do Céu.

RECOMENDAMOS


3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here